SOBRE CIÊNCIA, PÓS-MODERNISMO E PSEUDOCIÊNCIA

2021-11-11 por Gilson Volpato

Em todas as áreas, onde pode haver Ciência, deve haver Ciência e de qualidade, como respeito à população e necessidade prática do ser humano. Teorias de relativismo filosófico têm sido usadas por pseudocientistas de forma leviana, superficial e extremada para entregarem “nadas” para uma população que necessita das respostas mais adequadas do momento.

Enquanto os objetivos da Filosofia e da Arte estão mais para levantar problemas do que trazer respostas, a Ciência visa dirimir problemas trazendo respostas. Em sua curta história, tem mostrado quantas e quantas dúvidas foram esclarecidas pela Ciência para entendermos o que é o mundo e como ele funciona. Evidentemente, partes materiais e imateriais estão incluídas nesse mundo, assim como o ser humano é parte dele e, obviamente, foco dos estudos científicos. [continuar lendo...clique no título]

O FATOR DE IMPACTO

2021-11-03 por Gilson Volpato

O Fator de Impacto (FI) é um cálculo matemático que informa a relação entre publicações efetivadas por revista científica e as citações recebidas por essas publicações. Como divide citações/publicações, ele mede eficiência (produto/custo). Obviamente, é uma fórmula matemática e, portanto, tudo o que indica está previsto na fórmula. Erramos quando extrapolamos além ou aquém disso...

À MESA COM O INIMIGO

2021-07-28 por Gilson Volpato

Vamos partir do pressuposto de que todos querem o bem de algo. Vamos agora imaginar que esse algo pode ser para si próprio, para si e para outros, para si e para desfavorecidos, para desfavorecidos, para todos. Lógico que podemos pensar outras combinações, mas essas já são suficientes para o que quero dizer...

MUNDO INSANO... E A CIÊNCIA

2021-07-26 por Gilson Volpato

A ira entre pessoas é tão insana, que chegam a mentir sobre os que odeiam, a deturpar fatos notórios… se convencem de que possuem a verdade da situação, se consideram messias de uma população ou de toda a humanidade!

Uma das causas do fanatismo e dogmatismo é a crença de possuir a verdade! Isso decorre de falta de crítica e autoconfiança exageradas. Acredito que a instabilidade com o desconhecido seja outra variável desse sistema...

QUE METODOLOGIA É ESSA?

2021-07-24 por Gilson Volpato

O ensino de Metodologia Científica (MC) deveria ser matéria obrigatória no ensino superior. Porém, antes disso, deve ser profundamente modificado, inclusive com oferta de aperfeiçoamentos a professores dessa matéria. A MC deve ensinar o raciocínio científico, estrutura cognitiva fundamental a esses profissionais, venham ou não a se engajar na vida acadêmica científica...

ATENÇÃO, CUIDADO COM A PALAVRA

2021-07-16 por Gilson Volpato

Sabiam que a palavra importante não é tão importante assim? Pois é!

Muitos já devem ter visto argumentações em que a premissa mais forte é dizer que algo é importante. O que significa dizer que algo é importante? Não significa nada! Afinal, a palavra importante não tem força para tornar qualquer coisa importante. Se ela tivesse essa força, bastaria dizer “eu sou importante”; pronto, virei uma pessoa importante. Sabemos que não é isso, obviamente.

Muitos já devem ter visto argumentações em que a premissa mais forte é dizer que algo é importante. O que significa dizer que algo é importante? Não significa nada! Afinal, a palavra importante não tem força para tornar qualquer coisa importante. Se ela tivesse essa força, bastaria dizer “eu sou importante”; pronto, virei uma pessoa importante. Sabemos que não é isso, obviamente...

PROPOSTAS PARA DEFESA DE TESE

2021-07-09 por Gilson Volpato

Neste artigo trato da Pós-graduação stricto sensu (PG), considerando que sua principal preocupação seja a formação de cientistas. Mais ainda, como é cuidada pela CAPES, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal do Ensino Superior, o foco deve mesmo ser na formação de pessoas e não na produção de ciência (tal produção, embora ocorra, deve ser mais meio do que fim). A produção de ciência caberia, mais especificamente, ao CNPq, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Embora a integração entre esses dois órgãos seja óbvia, o foco do doutorado na formação do cientista é responsabilidade da CAPES.

Embora essa PG possua vários elementos, tratarei mais especificamente da defesa de tese (DT), que é exatamente o ponto final para receber o título de Doutor. Como ponto avaliador final, a DT tem efeito estruturador em todo o sistema da PG. Afinal, na prática tudo converge para a DT, queiramos ou não...